Google
Se quer fazer poemas, diga o que vai na alma, se quiser algum poema em especial peça que nós teremos todo o gosto em ajudar. Ao longo do site tem vários poemas para as diversas ocasiões, imagens, vídeos e muito mais. Desfrute ao máximo o nosso site.
Terça-feira, 25 de Dezembro de 2007
Poemas de Amor

!!! !!!

Fagulha


Quando tudo parece morrer,

quando tudo parece terminar,

surge essa estranha fagulha,

fazendo nosso amor incendiar.


Renascendo, assim, quase do nada,

do sem querer querendo demais,

dos pequenos momentos vividos,

que não esqueceremos jamais.

Brota de nossas almas sofridas,

cansadas de tanta dor,

tentando amenizar as feridas,

às custas desse novo amor.


Faz sentimentos, já esquecidos,

ressurgirem fortalecidos,

a cada pequeno reencontro

que porventura acontece.


Faz as emoções voltarem fortes,

na mesma intensidade de outrora

provando que dentro do peito,

escondido, esse amor ainda mora.


Mora, nesse nosso peito desastrado,

que se atrapalha feito criança,

diante desse amor inusitado.


Que não sabe decidir

entre o sim e o não,

deixando enfraquecer

lentamente, essa paixão.


E, quando tudo parece morrer,

quando tudo parece terminar,

surge essa estranha fagulha,

fazendo nosso amor incendiar.



!!! !!!


publicado por FFHF às 18:11
link do post | comentar | favorito
|

Counter
mais sobre mim
Contactos:
flavio1988@sapo.pt
links
posts recentes

Poema - Coisas do nosso p...

O quanto te amo

Poemas da alma

Poema de Fim de ano

Poemas de Amor

Poemas de Amor

Frases de amor

Poemas de Aniversário

Poemas de Amor

Forumvila - Fórum Grátis

tags

07(3)

2007(4)

2008(2)

amor(8)

aniversário(2)

aniversario(2)

blog(5)

blogs(5)

brasil(4)

conquista(3)

destaques(2)

diversos(6)

eu(3)

fim de ano(1)

fórum grátis(1)

forumvila(1)

fotos(2)

frases(4)

frases de amor(5)

homem(5)

humor(6)

imagens(2)

internacional(6)

miguel troga(1)

mulher(6)

nacional(7)

noticias(4)

notícias(4)

novidades(9)

novo ano ano de 2008(1)

paixão(4)

paixao(3)

photos(2)

poema(7)

poemas(8)

poemas de amor(5)

poemas de aniversario(1)

poesia(8)

portugal(6)

romantico(4)

vida(7)

voda(2)

todas as tags

subscrever feeds
Quando esqueceres o meu nome Quando todos os rostos parecerem o mesmo Procura-me de manhã, quando acordares Procura-me de manhã, então despertarás Se pelo menos eu não me magoar Vou encontrar-te do outro lado Vou encontrar-te na luz Se pelo menos eu não sufocar Vou encontrar-te de manhã quando acordar Apaixonado, amargo e com o coração partido Enquanto dói, espero a vida começar Procura-me de manhã, quando acordares Procura-me de manhã, então despertarás Se pelo menos eu não me magoar Vou encontrar-te do outro lado Vou encontrar-te na luz Se pelo menos eu não sufocar Vou encontrar-te de manhã quando acordar
“ Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade, ele me disse essa verdade... O Amor é mais sensível, a Amizade mais segura. O Amor nos dá asas , a Amizade o chão. No Amor há mais carinho, na Amizade compreensão. O Amor é plantado e com carinho cultivado, a Amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza, torna-se uma grande e querida companheira. Mas quando o Amor é sincero ele vem com um grande amigo, e quando a Amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho. Quando se tem um amigo ou uma grande paixão, ambos sentimentos coexistem dentro do teu coração."
Amor é fogo que arde sem se ver Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer; É um não querer mais que bem querer; É solitário andar por entre a gente; É nunca contentar-se de contente; É cuidar que se ganha em se perder; É querer estar preso por vontade; É servir a quem vence, o vencedor; É ter com quem nos mata lealdade. Mas como causar pode seu favor Nos corações humanos amizade, Se tão contrário a si é o mesmo Amor? ## Luís de Camões